Plantão
Esporte

Grêmio volta a reclamar dos critérios da comissão de arbitragem da CBF

Publicado dia 28/10/2020 às 18h24min
Para Romildo Bolzan, forma como foi feita a alteração do árbitro da partida contra o Juventude “pode dar problemas”

A alteração na escala da arbitragem para o jogo entre Grêmio e Juventude na Arena desagradou aos dois clubes. E o motivo principal é a mudança no critério adotado pela Comissão de Arbitragem da CBF, comandada pelo gaúcho Leonardo Gaciba. Inicialmente, o paulista Raphael Claus estava escalado para a partida de amanhã. Mas, um chamado da Conmebol para apitar jogo das Eliminatórias da Copa obrigou a CBF a trocar o árbitro. A entidade escolheu o gaúcho Anderson Daronco.

“Não houve sequer uma comunicação antecipada aos clubes. O critério utilizado pela Comissão de Arbitragem é o que nós questionamos. Num primeiro momento, um árbitro importante (Raphael Claus), de fora do Estado, e agora um do Rio Grande do Sul. Não estou questionando a idoneidade e a capacitação do Daronco. Mas a forma com que foi feita a alteração pode dar problema. A questão não diz respeito à pessoa (Daronco), mas sim ao critério da arbitragem nacional”, disse o presidente do Grêmio, Romildo Bolzan Júnior, em entrevista à Rádio Guaíba. “Nós damos força ao Juventude”, acrescentou.

O time da Serra, ainda na noite de segunda-feira, mostrou indignação com a escolha de Daronco para apitar o jogo. O Juventude cita lances polêmicos nos confrontos contra Grêmio e Inter no Campeonato Gaúcho para reprovar a escolha da Comissão de Arbitragem.

O presidente Walter Dal Zotto Jr, a exemplo de Bolzan, também criticou o critério da CBF de trocar um árbitro paulista por um gaúcho. Segundo o mandatário do Juventude, a entidade deveria ter mantido um árbitro de fora, compactuando com a opinião do Grêmio. No final de semana, Daronco apitou Fluminense e Santos pelo Brasileiro.

Grêmio e Juventude se enfrentam nesta quinta-feira, às 21h30min, na arena, na primeira partida das oitavas de final da Copa do Brasil. O jogo de volta ocorre na quinta-feira da próxima semana, no mesmo horário, mas no estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul.

Fonte: Rd Guaiba / Rede Record